Hyundai renova família i30 em Genebra

Hyundai i30 facelift View Gallery 15 photos

Mais tecnologia, motores “mild hybrid” e versão N-Line na carrinha estão entre as novidades.

A menos de uma semana da abertura de portas da edição deste ano do Salão de Genebra, na Suíça, a Hyundai desvendou o facelift que apresentará ao público nesse certame. Aplicada às versões hatchback de cinco portas, Fastback de quatro portas e carrinha Wagon, esta renovação da gama compacta sul-coreana inclui uma grelha maior com malha de efeito tridimensional, faróis de formato afilado com refletores com tecnologia MFR LED em opção – que contam com luzes diurnas em forma de V. Na traseira, realce para o novo para-choques, desenvolvido de forma a melhorar a performance aerodinâmica e farolins em forma de V, a que se juntam jantes de 16 e 17 polegadas diamantadas.

A versão N-Line (nas imagens) também foi alvo de renovação, acrescentando novas grelhas específicas na dianteira, um difusor traseiro redesenhado e jantes de 17 e 18 polegadas com visual específico. Estas versões de cunho mais desportivo, disponíveis apenas no motor a gasolina e Diesel mais potentes, beneficiam também uma suspensão e direção com afinação própria. A gama i30 passa a contar com as novas cores exteriores Dark Knight, Silky Bronze e Sunset Red. As mudanças continuam por dentro, com a inclusão de um ecrã tátil de 10,25 polegadas para o sistema de infotainment, painel de instrumentos com ecrã de 7 polegadas, compatibilidade de série com os sistemas Android Auto e Apple Carplay, carregador por indução do smartphone, novas saídas de ventilação, novas cores Ebony Brown, Charcoal Gray e Pewter Gray, e, a partir do verão, função “mirror screen” sem fios do smartphone. Existe a possibilidade de revestir os bancos em tecido, couro ou ambos, num total de oito combinações possíveis. No que toca a tecnologia, o i30 engloba novas assistências à condução, nomeadamente, o assistente de permanência na faixa, assistente que previne a colisão traseira e o alerta de saída de faixa.

Debaixo do capot, a base da gama possui o motor 1.0 T-GDI de três cilindros turbo a gasolina com 120 cv e 172 Nm, que além da versão de caixa manual de seis velocidades, passa a poder ser acoplado com uma caixa de dupla embraiagem de sete relações. Este motor está a partir de agora disponível numa versão “mild hybrid” com sistema elétrico de 48V e com uma nova caixa manual de seis velocidades, que permite um modo “vela” assim que o condutor tirar o pé do acelerador, sendo que o motor se desliga temporariamente em situações específicas de “coasting”. Esta versão também pode ser encomendada com caixa DCT. A gama i30 conta ainda com o motor 1.6 Diesel com tecnologia híbrida de 48V com 136 cv e 280 Nm ou 320 Nm (dependendo da caixa escolhida). No topo da gama convencional fica o gasolina 1.5 T-GDI de quatro cilindros turbo (que substitui o 1.4 turbo) com 160 cv e 253 Nm igualmente “mild hybrid” com opção manual ou DCT.

Deixe uma resposta

*