Carro movido a energia solar promete 725 km de autonomia

Lightyear One View Gallery 19 photos

Previsto para o outono, o Lightyear One tem um painel solar com 5 m2 no tejadilho e capot.

Fundada em 2016 por estudantes da Universidade de Eindhoven (na Holanda) e atualmente com 140 trabalhadores, a start-up Lightyear anunciou que vai lançar no final deste ano o One, uma berlina movida a energia solar. Este modelo de perfil aerodinâmico tem 5,05 metros de comprimento e mistura elementos do Mercedes IAA concept com linhas do McLaren Speedtail e do Audi A7. A sua particularidade são os painéis fotovoltaicos com cobrem uma área de 5 m2 entre o tejadilho e o capot, que vão carregando as baterias quando está parado ou em movimento. Segundo o fabricante, na estrada é possível carregar ao ritmo de 19,3 km de autonomia por hora.

embora possa também ser carregado numa tomada elétrica. Numa simulação feita pela Lightyear, em Roterdão dos 20 mil km percorridos num ano é possível utilizar energia solar em 40% das ocasiões. Já em Paris, é possível viajar 36 km por dia no verão graças à energia fornecida pelo sol, embora no inverno essa benesse possibilite apenas 8 km/dia. A autonomia teórica anunciada é de 725 km (WLTP) – embora sujeita a determinadas condições (nomeadamente se houver sol…). Independentemente disso, há sempre a possibilidade de parar e carregar as baterias de 60 kWh de capacidade numa tomada elétrica. Numa wallbox doméstica é possível obter o equivalente a 35 km de autonomia numa hora de “encosto”. Num carregador rápido de 22 kW uma hora é suficiente para obter 209 km de autonomia e a 60 kW o mesmo tempo possibilita extrair 570 km. A contribuir para a sua eficiência estão um conjunto de pneus ultraeficientes de Bridgestone, uns Turanza Eco especialmente desenvolvidos para o efeito. Estes pneus de medida 175/60 R19 são 3,6 kg mais leves do que os tradicionais e podem aumentar a autonomia em 28 km.

O One vem equipado com quatro motores elétricos (um por roda), embora ainda não seja conhecia a sua potência final. Este modelo é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em menos de 10 segundos. Por dentro, este carro solar possui um aspeto premium, recorrendo a materiais nobres. Há espaço para quatro passageiros e a bagageira tem 780 litros de capacidade, extensíveis a 1701 com o rebatimento dos bancos posteriores. A produção deste modelo holandês terá um limite inicial de 946 unidades (120 das quais já estão encomendadas no seu país de origem) e os preços começam nos 150 mil euros (antes de impostos). Numa fase inicial serão vendidos na União Europeia, Suíça e Noruega.

Deixe uma resposta

*