Skoda Karoq traz visual retocado e nova tecnologia

Skoda Karoq Sportline

SUV do segmento C beneficia de melhor aerodinâmica, materiais sustentáveis e motores mais eficientes.

O Skoda Karoq foi lançado há quatro anos e já vendeu mais de meio milhão de unidades entre os 60 países nos quais está em catálogo. Neste momento fica apenas atrás do Octavia nos modelos mais vendidos da marca checa. O SUV compacto foi agora alvo de um facelift, que chegará a Portugal em 2022.

O Karoq “fase 2” foi alvo de um conjunto de alterações estéticas discretas, embora visíveis, que lhe conferem um visual mais refinado. As principais mudanças ocorreram na dianteira com a inclusão de uma grelha de formato hexagonal mais aberta, faróis dianteiros mais finos (podendo receber, pela primeira vez, iluminação LED Matrix – incluída de série na versão Sportline, na foto principal) e entradas de ar com um novo desenho no para-choques que conferem ao carro um aspeto mais largo. Os farolins traseiros ganharam um aspeto mais proeminente. Com um perfil mais aerodinâmico, o SUV do segmento C recebeu um spoiler traseiro mais pronunciado e novas jantes que vão de 17 a 19 polegadas. Segundo a Skoda, o novo modelo possui um efeito de arrasto 9% inferior, chegando a 0,30 Cx. Isso reflete-se numa redução no consumo de combustível e nas emissões de gases poluentes.

Por dentro, as mudanças são mais discretas, embora haja novo equipamento a assinalar. Para começar o painel de instrumentos digital diagonal com ecrã de 8 polegadas passa a ser oferecido de fábrica. Existe a opção de um painel digital personalizável com 10,25 polegadas. O sistema de infotainment pode ter um ecrã tátil de 8 ou 9,2 polegadas. Em opção, os bancos da frente podem ter ajuste elétrico e com memória. Existe ainda um novo pack Eco que possibilita incluir materiais vegan e reciclados no interior. Por fim, existem novos apontamentos cromados ou em preto brilhante. A isto a Skoda juntou novos sistemas de ajuda à condução. Destaque para o Travel Assist, um sistema de condução semiautónoma que incorpora um cruise control adaptativo que antecipa passagens de caixa utilizando o GPS e a câmara dianteira. Nota também para os melhoramentos no sistema de reconhecimento de sinais e no Lane Keeping Aid.

Do lado mecânico não há mudanças a assinalar, mantendo-se ao serviço do Karoq na base da gama o 1.0 TSI Evo de 110 cv de três cilindros turbo a gasolina com caixa manual de seis velocidades, o 1.5 TSI Evo de quatro cilindros turbo com caixa manual ou de dupla embraiagem DSG de sete relações, além do 2.0 TSI de quatro cilindros turbo com 190 cv com tração integral e DSG7, exclusivo para a versão Sportline. Do lado dos Diesel é possível optar entre o 2.0 TDI de 116 cv manual ou DSG, e o 2.0 TDI de 150 cv 4×2 manual ou 4×4 DSG. No lançamento existirão as versões Style, Business, Ambition e Sportline. Mais tarde está previsto um novo Scout.

Deixe uma resposta

*