Seat Leon Cupra perde 10 cv devido ao WLTP

Apesar desta mudança, devido à nova norma, a carrinha Leon Cupra mantem a mesma potência.

A nova norma WLTP, que entrará em vigor em setembro, está a obrigar os fabricantes a mudar as caraterísticas de alguns modelos. A “vítima” mais recente é o Seat Leon Cupra de cinco portas que se viu obrigado a perdeu 10 cv de potência (passando a ter 290 cv) de forma a conseguir ser homologado à luz dos novos padrões de homologação de emissões e consumos da nova norma. Nos testes da nova norma WLTP, os carros são sujeitos a testes mais prolongados, que incluem situações de trânsito real e nos quais o peso final do carro fará maior diferença. Estas alterações influirão apenas no modelo de tração dianteira e caixa manual ou DSG de seis velocidades. Isto significa que a carrinha Leon Cupra ST, de tração integral e caixa DSG, manterá os 300 cv. Resta saber se o Leon Cupra R de 310 cv, uma série limitada a 799 unidades, sofrerá algum tipo de alterações, devido à nova norma.

Recorde-se que esta mudança para o WLTP já obrigou à suspensão do concorrente Peugeot 308 GTI, para poder incluir um filtro de partículas que lhe baixa as emissões. Também a BMW com o M3 e o Série 7, a Audi com o SQ5 e a Porsche com todos os seus modelos chegaram a suspender a produção de modo a conseguir encontrar uma solução para os seus carros.

Deixe uma resposta

*