Substitutos do GT-R e 370Z serão “eletrificados”

Atual geração do GT-R poderá ser a última sem auxílio de motor elétrico

É quase certo que a próxima geração de desportivos da marca nipónica seja híbrida.

A Nissan quer ter cerca de 40% dos seus modelos “eletrificados” no mercado europeu até 2022. E nessas contas devem entrar os sucessores do GT-R (na imagem, o modelo atual) e do 370Z. Quem o confirmou foi Jean-Pierre Diernaz, o responsável de marketing da marca japonesa, ouvido pela imprensa britânica: “não vejo que a eletrificação e os desportivos possam colidir. Talvez seja o contrário, os carros desportivos podem definitivamente beneficiar muito com a eletrificação”.

A nova geração de desportivos Nissan está confirmada. Contudo, este responsável ainda não se quer comprometer com datas, sobretudo no que toca ao 370Z. Recorde-se que a marca japonesa está neste momento envolvida na Fórmula E e é muito provável que o sistema híbrido seja partilhado com os parceiros Renault, Mitsubishi e Mercedes-Benz. Apesar da possível parceria tecnológica, o novo GT-R será um totalmente desenvolvido pela Nissan, assegura Diernaz.

Deixe uma resposta

*