Honda vai fazer dois carros elétricos com a GM

Nova plataforma GM

Deste acordo resultarão modelos desenhados pela marca nipónica e com baterias do grupo norte-americano, que garantem 640 km de autonomia.

Cada vez mais, os construtores de automóveis recorrem a parcerias para o desenvolvimento de novas tecnologias como forma a reduzir os custos de investigação, desenvolvimento e produção. O acordo que foi agora assinado entre a Honda e a General Motors é o mais recente exemplo disso. Segundo a imprensa norte-americana, esta sinergia terá como desígnio a produção de dois novos modelos elétricos com lançamento marcado para 2024.

Nesta, a tarefa de desenhar os veículos será concedida à Honda, enquanto que a plataforma, a motorização e as baterias estarão a cargo da General Motors. Curiosamente, o grupo americano já estava a investir nas suas fábricas de forma a incrementar a capacidade de produção, ao mesmo tempo que desenvolve numas novas baterias Ultium que prometem uma autonomia de até 640 quilómetros com a carga completa.

Segundo Rick Schostek, o vice-presidente da Honda nos EUA, “esta colaboração irá reunir os pontos fortes das duas empresas, a eficiência combinada da manufaturação fornecerá aos clientes um maior valor acrescentado”. Já o vice-presidente do produto e desenvolvimento da General Motors, Doug Parks, afirmou que “este é mais um passo fundamental para um futuro completamente elétrico. A nossa colaboração com a Honda constrói-se graças aos objetivos semelhantes que pretendemos alcançar”.

Deixe uma resposta

*