Suzuki Jimny está a celebrar o seu 50.º aniversário

Suzuki Jimny 1970 View Gallery 10 photos

O pequeno todo o terreno conta com aproximadamente 3 milhões de unidades vendidas em todo o mundo.

O Suzuki Jimny, um dos automóveis que mais gostamos de conduzir aqui na autoDRIVE, celebra o seu 50.º aniversário este ano. Com quase 3 milhões de exemplares vendidos em todo o mundo, é inegável a importância que o pequeno todo o terreno assume na marca japonesa.

Lançado em 1970 numa parcela de mercado que não existia até então, foi o primeiro modelo inserido na categoria japonesa “kei car” com uma distinta aptidão fora de estrada. Como tal, possuía um comprimento inferior a três metros e era alimentado por pequenos motores com uma cilindrada abaixo de um litro. Apesar disso, graças ao sistema de tração integral, possuía capacidades de todo o terreno que rivalizavam com outros modelos de maiores dimensões. A sua primeira geração acabaria por ser comercializada ao longo de 11 anos em quatro versões diferentes e tornou-se amplamente reconhecida graças à versatilidade que oferecia. Em 1981 seria introduzida a segunda geração mais adaptada ao mercado internacional que foi vendida sob várias designações correspondentes à localização. Já a terceira geração, apresentada em 1998, adotava essencialmente duas versões, uma destinada exclusivamente ao mercado japonês e outra ligeiramente maior tendo em vista o resto dos mercados. Por fim, em 2018, foi apresentada a quarta geração com um aspeto quadrado inspirado nos seus antecessores que equipava um motor 1.5 de quatro cilindros a gasolina com 102 cv, sempre com tração integral e respetivas redutoras.

Mesmo não sendo um desportivo, a verdade é que o Suzuki Jimny é um automóvel capaz de proporcionar um enorme prazer de condução. Infelizmente, a atual geração esteve temporariamente suspensa na Europa devido ao excesso de emissões de CO2, mas já foi reintroduzida num formato de comercial ligeiro de dois lugares. Esperemos que a sua história não fique por aqui.

Deixe uma resposta

*