Carros “eletrificados” batem vendas Diesel pela primeira vez

Tesla Model 3 View Gallery 5 photos

Na Europa, o Tesla Model 3 é o “best seller” entre os 100% elétricos e a popularidade dos SUV continua a aumentar.

O impacto da pandemia contribuiu para quebra de 29% da venda de carros novos na Europa nos primeiros nove meses deste ano, para um total de 8,54 milhões de unidades, segundo dados recolhidos pela Jato Dynamics. Os mais afetados foram os modelos movidos a gasóleo, cujas vendas corresponderam a apenas 24,8% do mercado em setembro. Em jeito de comparação, há uma década os Diesel representavam 50% dos registos totais. A estatística mais curiosa é que, com um total de 25%, pela primeira vez as vendas acumuladas dos modelos “eletrificados” (que compreendem os “mild hybrid”, “full-hybrid”, híbridos plug-in e elétricos) superaram os Diesel no Velho Continente.

O líder de vendas no mês transato foi o Volkswagen Golf, com 28.731 unidades, seguido do Opel/Vauxhall Corsa com 26.269 e do Renault Clio com 23.986. No que diz respeito aos híbridos, o “best seller” foi o Toyota Corolla (15.093), que partilhou o pódio com o Ford Puma (12.251) e o Toyota C-HR (11.991). O mais popular entre os plug-in foi o Mercedes Classe A (4782) que suplantou o Volvo XC40 (4036) e o Audi Q5 (2998). Por fim, o elétrico mais vendido foi o Tesla Model 3 (15.702) que superou o Renault Zoe (11.023) e o VW ID.3 (7897). Contudo, segundo a Jato, o grupo VW é o que vende mais modelos “zero emissões”.

O formato preferido dos europeus, segundos as estatísticas, continua a ser o SUV, cuja tipologia representa 41,3% das vendas. Os reis deste segmento são o Renault Captur, o Peugeot 2008 e o Ford Puma.

Deixe uma resposta

*