GM poderá ter mostrado a primeira imagem do Corvette C9

Corvette C9

Tudo aponta para que a próxima geração do desportivo seja 100% elétrica.

A aceleração do processo da “eletrificação” parece estar a estender-se de forma transversal a praticamente todos os segmentos e tipologias de viaturas, inclusivamente nos desportivos. E essa tendência aplica-se, por exemplo, ao Corvette. Se é verdade que o novo Chevrolet Corvette C8 (o primeiro da história com motor de posição central) foi lançado em 2019, a General Motors já a pensar na próxima geração, prevista para 2026. O primeiro “sketch” com assinatura GM Design agora revelado através do Instagram parece assim o comprovar.

Desenhado pelo responsável criativo da GM, Brian Malczewski, e com o hashtag “Future” (futuro) associado, este que poderá ser o primeiro desenho do Corvette C9 surge com os arcos das rodas pronunciados, com um capot curto e baixo e um cockpit acanhado. A traseira é prolongada e surge com farolins estreitos e com um spoiler traseiro integrado. As entradas de ar laterais são similares às do Corvette atual, embora com um aspeto mais radical. O desenho aponta claramente para um modelo com motor central, aparentado linhas mais extremas face ao modelo que conhecemos.

A verdade é que a General Motors tem em prática um plano de eletrificação, que inclui, entre outros, um novo Hummer “zero emissões”. Por isso, não seria de estranhar se o novo Corvette seguisse o mesmo rumo, apesar de as informações acerca do próximo modelo ainda serem escassas.

Apesar de tudo o que foi dito atrás, existe a hipótese de este desenho ser referente ao Corvette E-Ray, uma variante híbrida, a lançar ainda na geração C8 – que até chegou a ser confirmada por Joe Bidden, quando ainda era candidato à presidência dos EUA.

Até ao final do ciclo atual ainda serão lançadas ainda outras variantes do “Vette”, incluindo o C8 Zora, que deverá ter um novo sistema híbrido (de tração integral) baseado num motor V8 5.5 para um débito a rondar os 1000 cv.

Deixe uma resposta

*