Citadino Toyota Aygo X estreará em novembro

Toyota Aygo X

Pensado e construído na Europa, o crossover regressa ao segmento A desta vez sem os “irmãos” da Citroën e da Peugeot.

A Toyota confirmou que vai revelar em novembro o seu novo modelo do segmento A que se chamará Aygo X (pronuncia-se “cross”). Trata-se de um mini-crossover que evolui do concept com o mesmo nome apresentado em março deste ano. O Aygo X será lançado em 2022.

Desenhado e desenvolvido no centro técnico da marca em Bruxelas (Bélgica) e construído em Kolín (na República Checa), o novo Aygo X (nome que alude ao facto de este ser um modelo com maior altura ao solo e um visual radical inspirado no mundo dos SUV) utilizará uma variante mais curta da plataforma TNGA-B, a mesma do Yaris, mas que, ao contrário do utilitário, não receberá versões híbridas, de modo a manter o preço final o mais baixo possível. Como tal, deverá ter debaixo do capot um motor 1.0 de três cilindros naturalmente aspirado com menos de 100 cv. Visualmente, espera-se que o novo citadino adote alguns dos elementos do protótipo, nomeadamente os vãos curtos, farolins na vertical, rodas nas extremidades da carroçaria, mas também arcos das rodas pronunciados. O Aygo X terá várias combinações bicolores e em opção um tejadilho em tecido retrátil.

Nesta terceira geração o Aygo não terá a companhia do Peugeot 108 e do Citroën C1 que não terão sucessão.

Deixe uma resposta

*