DS 4 e DS 5 descontinuados

Para o seu lugar, a marca premium da PSA está a preparar uma ofensiva de modelos compactos, incluindo uma versão 100% elétrica do DS 3 Crossback.

A DS deixou de produzir os modelos DS 4 e DS 5, cujas vendas foram de 11.746 e 5.738 unidades em 2017, respetivamente. Mas as vendas escassas não são o único motivo para a saída de cena de ambos os modelos antes do previsto (final de 2018). A marca francesa está neste momento a preparar o caminho para a chegada de uma nova vaga de modelos compactos, feitos com base numa nova plataforma. E o lançamento do SUV topo de gama 7 Crossback é um bom exemplo da nova abordagem da DS. Um porta-voz da marca disse à Autocar que uma das apostas principais será o DS 3 Crossback, que terá uma versão elétrica. Aliás, os planos para a “eletrificação” dos novos modelos serão revelados no Salão de Paris, em outubro.

Outra alteração a adotar no próximos meses será o fim das versões Diesel no DS 3 (modelo também em fim de vida), disponibilizando apenas opções a gasolina Puretech associadas a uma caixa automática. Esta composição da gama está relacionada com a norma ambiental WLTP, que será obrigatória em setembro. O DS 3 será substituído por um crossover 3 Crossback, potencial concorrente do Audi Q2.

A DS ainda quer apostar em 2020 numa berlina de topo para medir forças com o BMW Série 5, entre outros. Será feita com base no 7 E-Tense plug-in hybrid concept mostrado no início deste ano.

Deixe uma resposta

*