Skoda Octavia terá versões híbridas

A marca checa prevê encetar uma ofensiva de lançamentos, apostando em nove lançamentos até 2021.

A Skoda tem no Octavia o seu modelo mais importante, com seis milhões de unidades vendidas desde que foi lançado. Numa altura em que o pequeno familiar está prestes a chegar à quarta geração, o que deverá acontecer no início de 2020, a Auto Express avança que o novo modelo contará com uma versão atualizada da plataforma modular MQB, o que lhe permitirá ter versões híbridas (uma híbrida plug-in e outra mild hybrid de 48 volt – uma estreia na marca). O novo modelo partilhará vários elementos que estrearão no VW Golf VIII. Contudo, as motorizações convencionais Diesel e gasolina continuarão a fazer parte do alinhamento do best-seller da marca checa. O 1.5 TSI de quatro cilindros e o novo 1.5 Diesel serão apostas. Visualmente, o pequeno familiar continuará a ser um hatchback que se aproxima de um formato berlina.

Mas as novidades da Skoda não ficarão por aqui, estando previstos nove novos modelos até 2021. Em primeiro lugar, no final deste ano chega o Kodiaq RS com um 2.0 TDI de 240 cv. Em 2019, está agendado o lançamento do Kodiaq Coupé, para já, apenas para a China.

Entre as novidades absolutas está previsto um hatchback mais convencional, que se posicionará abaixo do Octavia, para substituir o atual Rapid em 2019. O novo modelo será feito com base MQB A0, a mesma do Seat Ibiza e do VW Polo. Este substituto do Rapid (cujo nome ainda não está definido) será a base também utilizada num novo SUV da marca, que partilhará a mesma distância entre eixos. Previsto para o final de 2019, este “irmão” do Seat Arona (que poderá vir a chamar-se Anuq ou Amiq) será uma evolução do protótipo Vision X concept exibido em março passado no Salão de Genebra. Por fim, seguir-se-á o facelift do topo de gama Superb, que poderá ganhar uma versão híbrida plug-in.

Do calendário de lançamentos está ainda prevista para 2019 uma versão elétrica do Citigo, chamada Citigo E. Seguir-se-á um SUV totalmente elétrico com base na plataforma MEB do grupo VW, basicamente uma versão de produção do Vision E concept apresentado na última edição do Salão de Frankfurt. Finalmente, em 2021 está prevista a nova geração do Fabia.

Deixe uma resposta

*