BMW anuncia recall de 324 mil Diesel na Europa

Motivo: um defeito no módulo de recirculação dos gases de escape, que poderá redundar num incêndio.

A BMW anunciou o recall de cerca de 324 mil viaturas Diesel (96.300 na Alemanha – 2359 em Portugal) devido a um defeito de um componente no sistema EGR. Trata-se do mesmo motivo pelo qual a marca chamou na passada segunda-feira às oficinas 106 mil carros e que motivou inclusivamente um pedido de desculpas público na Coreia do Sul, onde este problema já terá causado mais de 30 incêndios (sobretudo em berlinas 520d). O jornal alemão Frankfurter Allgemeine Zeitung diz que o motivo deste recall, que envolve motores a gasóleo de 4 (fabricadas entre abril de 2015 e setembro de 2016) e 6 cilindros (produzidas entre julho de 2012 e junho de 2015) dos modelos Série 3, 4, 5, 6, 7 e dos SUV X3, X4, X5 e X6, produzidos entre 2015 e 2016, deve-se a um derramamento de líquido do radiador de circulação dos gases de escape que entra em contacto com restos de óleo e que pode originar um incêndio. Esta deficiência obriga a substituir o módulo, sem custos para o proprietário.

Contactada pela autoDRIVE a BMW disse estar “a trabalhar nesta ação técnica e prevemos comunicar à nossa rede de serviço até ao final da próxima semana a informação relativa aos veículos afetados. Os clientes serão posteriormente contactados pela rede de serviço BMW para agendar esta ação. A duração desta intervenção está estimada entre uma a três horas, dependendo do tipo de intervenção necessária. Os clientes que possuam automóveis potencialmente incluídos nesta ação técnica, com uma quilometragem superior a 70.000 kms e que não queiram aguardar a comunicação da marca, podem dirigir-se a qualquer ponto de serviço da rede oficial para verificação preliminar do automóvel.”

Deixe uma resposta

*