Volvo XC40 elétrico estreia no fim do ano

O híbrido plug-in Volvo XC40 T5 Twin Engine vai abrir caminho para uma variante 100% elétrica

Aquele que será o primeiro modelo 100% elétrico da marca sueca será antecedido por duas versões híbridas plug-in.

A Volvo confirmou que apostará nos próximos meses em três versões “eletrificadas” do SUV XC40. A principal novidade, segundo a Automotive News Europe, é a confirmação que o primeiro modelo elétrico da história da marca sueca será revelado antes do fim do ano, tendo lançamento previsto para o início de 2020. Para já, ainda não são conhecidas as especificações deste modelo, que será para todos os efeitos o segundo modelo “zero emissões” do grupo, depois do Polestar 2 (uma berlina concorrente do Tesla Model 3), mostrado em março no Salão de Genebra – que, contudo, será lançado igualmente no início do próximo ano. Ambos os modelos são feitos com base na plataforma modular CMA, a mesma dos Lynk & Co. 01, 02 e 03, que corresponderam a mais de 120 mil unidades vendidas na China em 2018. A Lynk & Co., outra marca do grupo Volvo, vai abrir cinco concessionários na Europa em 2020.

No mês passado, a Volvo já tinha confirmado duas versões híbridas plug-in do XC40 (atualmente, o segundo modelo mais vendido da marca sueca em todo o mundo – só ficando atrás do XC60): a T4 e a T5 Twin Engine (na imagem). O primeiro a ser lançado será o T5, cujo início da produção está agendado para novembro (na fábrica de Gent, na Bélgica). Esta versão combina os préstimos de um motor 1.5 turbo de três cilindros a gasolina com 180 cv, um motor elétrico de 82 cv (para um débito conjunto de 262 cv e 425 Nm de binário máximo), uma bateria de iões de lítio de 9.7 kWh de capacidade e caixa automática de sete velocidades.  Anuncia 0-100 km/h em 7,3 segundos, uma velocidade máxima de 205 km/h e autonomia em modo elétrico para 54 km.

Os responsáveis da Volvo estimam que os modelos 100% elétricos representem metade das suas vendas globais até 2025. E que, apesar de hoje representarem entre 10 a 15% das vendas em todo o mundo, os híbridos plug-in (atualmente disponíveis nas gamas XC90, XC60, V90, V60, S90 e S60) possam crescer para os 25% até ao final deste ano.

Deixe uma resposta

*