Novo Defender já realizou 1,2 milhões de km de testes

Land Rover Defender em testes View Gallery 10 photos

Previsto para 2020, o novo 4×4 promete ser o “Land Rover mais duro e capaz de sempre”.

O Land Rover Series I foi revelado no Salão de Amesterdão, na Holanda, a 30 de abril de 1948. E para celebrar essa data, a marca britânica instituiu o World Land Rover Day. Este ano a Land Rover assinalou o dia com a publicação de novas imagens da próxima geração do Defender em testes em diferentes cenários. Ao todo os protótipos do “off-roader” já cumpriram 1,2 milhões de quilómetros entre 45 mil sessões de testes em estrada, entre cenários tão díspares como o deserto do Quénia, as montanhas rochosas do Colorado (nos EUA) a mais de 3 mil metros de altitude, no norte da Suécia (a menos de 50 graus Celcius) ou no circuito de Nürburgring (na Alemanha).

As diferentes imagens mostram o modelo ainda camuflado com carroçaria de três e cinco portas, no formato curto 90 (com variante “soft top” em lona) e longo 110, respetivamente. Na família de novos modelos deverá ainda constar uma derivação no formato pick-up, a lançar mais tarde. Na calha está ainda uma versão elétrica para 2024 e um Defender Sport para 2026. Apesar de manter o tradicional formato quadrado, o novo Defender (conhecido pelo nome de código L851) será feito com base numa nova plataforma monobloco em alumínio Modular Longitudinal Architecture (em vez da base tradicional de travessas e longarinas), o que lhe permitirá ter uma suspensão traseira independente. Esta alteração contribuirá para uma estrutura mais leve, mais rígida e mais flexível, que possibilitará a alteração no formato dos eixos, de pneus, transmissões e calibração de suspensão, de modo a fazer tanto modelos mais “old school” Heritage como mais luxuosos com assinatura Autobiography. Para afastar os mais críticos, o fabricante britânico vai já prometendo que o novo modelo será “Land Rover mais duro e capaz de sempre”. Debaixo do capot haverá uma oferta 2.0 de quatro cilindros Diesel e gasolina para as versões de acesso. A gama contará ainda com novos 3.0 seis cilindros Ingenium Diesel e gasolina. Todos com recurso a turbo e nalguns casos até auxílio de um sistema micro-híbrido.

A estreia ao público do novo Land Rover Defender está prevista para setembro para o Salão de Frankfurt (na Alemanha). O “jipe” só deverá chegar ao mercado em 2020. O novo Defender será produzido na nova fábrica da Jaguar Land Rover em Nitra, na Eslováquia – com capacidade para produzir 150 mil unidades/ano, e onde será construído também o novo Discovery.

Deixe uma resposta

*