Dacia prepara-se para aumentar família Duster

Dacia Duster

Na calha está ainda o aumento da gama, com novos SUV.

A Dacia anunciou que irá investir 100 milhões de euros (com o contributo de 25 milhões do governo romeno) com vista a aumento da produção local dos atuais 50 mil para 400 mil carros por ano, a partir de setembro de 2020. Além do aumento da produção, a marca romena quer aumentar a sua gama com a introdução de novos modelos. A imprensa romena cita Christophe Dridi, o responsável pela Dacia e pela Renault naquele país de leste, que começou por confirmar que este aumento da gama passa pela aposta em derivados do Duster, que está neste momento à venda em 44 países. Uma das variantes esperadas é uma pick-up. Outra possibilidade é uma variante elétrica do SUV ou mesmo um SUV de formato coupé que seria um “badge engineering” do Renault Arkana.

Uma certeza é que o futuro da Dacia passará por novos SUV. Tendo em conta o posicionamento da marca, mais orientado para o preço, é possível que venham a ser aposta conversões de modelos da Renault vendidos em mercados emergentes, sobretudo asiáticos, como o pequeno K-ZE fabricado na China ou Triber produzido na Índia.

Deixe uma resposta

*