Americanos “radicalizam” SUV e pick-up elétricos

Protótipos Bolliger B1 e B2 View Gallery 13 photos

A Bollinger desvendou novos protótipos “off-road” do B1 e do B2 com 623 cv.

A start-up norte-americana Bollinger Motors revelou derivações “off-road” dos seus modelos B1 e B2 (o primeiro dos quais tornado público há mais de dois anos), ainda em formato protótipo. Tratam-se de um SUV de uma pick-up que partilham uma configuração de um motor por eixo para um débito de potência total de 623 cv (quase o dobro do modelo original com apenas um motor) e 905 Nm. A dupla é feita com base numa plataforma desenvolvida internamente, em associação com uma caixa automática que inclui redutoras. O chassis e a carroçaria são feitos em alumínio e há até diferenciais eletrónicos à frente e atrás. A autonomia ainda não foi confirmada, mas o pack de baterias com 120 kWh de capacidade promete superar os 321 km de autonomia da versão anterior com 100 kWh. Esta configuração permite acelerações de 0 a 100 km/h em 4,5 segundos. A velocidade máxima é de 161 km/h.

Estes protótipos quase finais do B1 e do B2 contam com uma distribuição de pesos de 50/50, altura ao solo de 381 mm, curso da suspensão de 254 mm e discos ventilados em todas as rodas de 29,8 cm. Com 2359 kg de peso, os modelos têm uma capacidade para rebocar 3402 kg. Visualmente, os dois modelos são muito parecidos, destacando-se pela grelha a direito e para-choques pronunciados. A pick-up tem uma caixa de carga com 1,70 metros de comprimento e um vidro traseiro que pode ser aberto para ajudar a transportar elementos mais compridos.

Fundada pelo designer industrial Robert Bollinger em 2015, a nova marca sediada no Michigan diz já ter mais de 30 mil interessados nos seus modelos. O arranque da produção está previsto para 2021. O preço ainda não foi revelado.

Deixe uma resposta

*