Citroën deixa de produzir C4 Cactus

Citroën C4 Cactus View Gallery 2 photos

Crossover francês sai de cena após seis anos no mercado.

A Citroën deixou de produzir oficialmente o C4 Cactus na Europa. Em seis anos no mercado, foram vendidas 345.722 unidades do crossover do segmento C no Velho Continente. Lançado em 2014, o Cactus evoluiu de um concept com o mesmo nome, do qual herdou os caraterísticos Airbumps nas portas. De visual arrojado, o membro da família C4 nem sempre consensual tinha ainda faróis e luzes diurnas separadas entre si, além de várias cores alegres para o exterior (incluindo esquemas bicolores). No interior, destaque para os bancos tipo sofá, para os vidros traseiros com abertura em compasso e para o opcional teto panorâmico. Feito com base numa plataforma do segmento B, o Cactus tinha mais 20 cm de comprimento face ao C4 convencional e menos de uma tonelada de peso.

Em 2018, o Cactus foi alvo de um facelift com o objetivo de o reposicionar na gama mais uma berlina compacta tradicional – afastando-o das caraterísticas de crossover. O novo modelo inclui Airbumps mais pequenos e incorporou amortecedores com batentes hidráulicos, além de um interior com maior foco na qualidade e na funcionalidade.

O conceito Cactus não terá sucessão direta, embora a nova geração da berlina compacta C4, que inclui uma versão elétrica, tenha igualmente um visual inspirado no universo dos SUV.

Deixe uma resposta

*