Renovado VW T-Roc “apanhado” antes da estreia

VW T-Roc facelift

SUV produzido na Autoeuropa terá uma nova versão híbrida plug-in GTE.

Apenas quatro anos depois do seu lançamento, a Volkswagen vai operar um “facelift” no T-Roc (conhecido pelo nome de código A1). O SUV produzido em Portugal na fábrica da Autoeuropa fará a sua estreia oficial em setembro no Salão de Munique, mas foi “apanhado” sem camuflagem nos arredores do quartel-general da VW em Wolfsburg.

Como é possível constatar, as mudanças estéticas não serão extensas, com a versão normal a receber novos faróis com LED diurnos integrados, a grelha a incorporar uma e não duas barras horizontais e uma lista cromada maior. A entrada abaixo dos faróis está também numa posição mais elevada. Atrás, os para-choques e os farolins foram alterados. A variante de visual desportivo R-Line acrescenta uma saia dianteira com aspeto mais agressivo e inclui entradas de ar similares às do T-Roc R. Novas são também as jantes. Ainda não imagens do interior, mas é certo que o SUV compacto incorporará um novo sistema de infotainment com ecrã de 10,25” (com comandos por voz “Hello Volkswagen” e compatibilidade Apple Carplay wireless), um painel de instrumentos de 10 polegadas, head-up display e novos sistemas de assistência à condução, incluindo um sistema de condução semiautónoma. Uma das principais novidades será certamente a introdução de uma nova variante híbrida plug-in GTE com 245 cv. De resto, a gama continuará com o 1.0 TSI de 110 cv e caixa manual de seis velocidades, como versão de acesso. Haverá ainda o 1.5 eTSI “mild hybrid” de 48V de 150 cv com caixa DGS de dupla embraiagem de sete velocidades, além dos Diesel 2.0 de 115 e 150 cv (o primeiro manual e o segundo apenas DSG7).

Para já, sabe-se que este “make over” do T-Roc, que deverá estar disponível a partir da primavera de 2022.

Deixe uma resposta

*