Novo Mitsubishi Evolution poderá ser um Outlander “espigado”

Render do novo Mitsubishi Outlander PHEV Evolution

Esta versão com selo Ralliart do SUV híbrido plug-in será apresentada no próximo verão.

A Mitsubishi recuperou a sigla Ralliart, indissociável do sucesso no WRC e no Dakar. Segundo os japoneses da Best Car Web, o relançamento deste emblema histórico passa, entre outras coisas, por uma edição especial Evolution do Outlander PHEV. Este modelo contará com um exterior agressivo a lembrar os icónicos modelos de ralis da marca japonesa. Aparentemente, esta variante de alta performance do SUV tinha apresentação prevista para outubro para o entretanto cancelado (devido à Covid-19) Salão de Tóquio. Ao que tudo indica, este Outlander Evolution (na imagem um “render” digital) será apenas mostrado em junho de 2022.

Para já, ainda não são conhecidos os detalhes técnicos deste novo Evolution, apenas que será feito com base na nova geração do Outlander PHEV 4WD. Resta saber se estaremos perante um modelo de produção ou um simples concept para promover o regresso da Ralliart. Além de novos modelos “espigados”, a Ralliart promete estar envolvida no regresso em força ao desporto motorizado. Em tempos, a Mitsubishi disse que estaria a ser estudada a hipótese de um sucessor do Lancer Evolution sob a forma de um SUV com motor híbrido ou 100% elétrico. Aliás, o estudo de visual desportivo e-Evolution de 2017, equipado com três motores elétricos, apontava precisamente nesse sentido.

Recorde-se que as caraterísticas da versão convencional da nova versão híbrida plug-in Outlander são ainda desconhecidas –  sabendo-se apenas que contará com um sistema mais potente, mais eficiente e com uma bateria maior face ao antecessor. Especula-se que o SUV recorrerá a um motor de quatro cilindros turbo mais potente com 272 cv (o mesmo do Infiniti QX50) acoplado com dois motores elétricos (um por eixo – solução que permitirá vectorização de binário nas rodas traseiras). Este novo Outlander PHEV terá um débito total de potência entre 408 e 476 cv, permitindo acelerações de 0 a 100 km/h em 5 segundos.

Deixe uma resposta

*