SUV elétrico Alpine GT X-Over confirmado para 2025

Render digital do Alpine GT X-Over

Novo modelo de alta performance contará com uma configuração de três motores e perto de 400 cv.

A Alpine confirmou que o primeiro SUV da sua história chamar-se-á GT X-Over. Além disso, os franceses adiantaram que este novo modelo será produzido em Dieppe (França) a partir de 2025 – altura em que o emblema francês pretende dedicar-se em exclusivo a modelos elétricos. A juntar a isso, este SUV de alta performance de formato coupé, potencial rival do Tesla Model Y, entre outros, virá munido de uma configuração composta por três motores elétricos. Segundo o responsável de engenharia da marca francesa, Gilles le Borgne, ouvido pela Auto Express, o GT X-Over recorrerá a uma versão adaptada da plataforma CMF-EV (a do novo Mégane E-Tech Electric) e manterá um motor dianteiro de 220 cv, encaixando um cada roda traseira, permitindo a vectorização de binário. Este conjunto de tração permitirá um débito de potência a rondar os 394 cv (já disponível no “irmão” Nissan Ariya 4orce com Performance Pack, a garantir acelerações de 0 a 100 km/h em 5,1 segundos). No caso do Alpine SUV estas prestações poderão melhorar, tendo em conta que será um modelo previsivelmente mais leve.

Visualmente, o GT X-Over contará um formato de estilo coupé, uma linha de ombros elevada e recorrerá a elementos visuais de Alpine clássicos, nomeadamente a assinatura luminosa quadripartida – tal como é possível nas imagens geradas por computador publicadas pela Auto Express e pela Autozeitung.

Além do GT X-Over, a Alpine contará com um sucessor do A110 coupé (que será desenvolvido em conjunto com a Lotus, com base numa plataforma E-Sports) e uma versão mais “espigada” do novo Renault 5 E-Tech Electric.

Deixe uma resposta

*