Alfa Romeo Giulia e Stelvio têm continuidade assegurada

Alfa Romeo Giulia e Stelvio Quadrifoglio

Restyling dos modelos atuais será lançado no final deste ano e as novas gerações já contarão com motor elétrico.

A Alfa Romeo confirmou que o Giulia e o Stelvio terão sucessores. Durante a apresentação do novo SUV compacto Tonale, Daniel Tiago Guzzafame, o responsável de produto da marca italiana, confirmou as próximas gerações da berlina e do SUV já feitos com base numa plataforma da Stellantis, a STLA Large, específica para modelos elétricos.

Antes disso, no final deste ano, a dupla de Arese será alvo de um facelift. Nessa altura, afirmou Guzzafame, saber-se-á se a eletrificação será aposta nesta fase final de ciclo nestes modelos do segmento D. Agora, resta saber se está em cima da mesa a eletrificação parcial ou total. A hipótese da eletrificação parcial é ainda assim a mais plausível, em jeito de transição, dado que alguns rumores apontam que em 2019 estavam a ser desenvolvidos motores “mild hybrid” e híbridos plug-in para o Stelvio. Mais clara ainda se torna essa possibilidade quando se sabe que o Grecale, um novo SUV da Maserati, que partilha a plataforma com o Stelvio, contará com uma versão PHEV no lançamento, que acontecerá no decurso deste ano. Acontece que este Grecale ainda tem prevista para mais tarde uma versão 100% elétrica Folgore, que derivará da mesma base Giorgio – que supostamente de raiz não era capaz de comportar qualquer tipo de eletrificação. Contudo, esse cenário de eletrificação total só deverá mesmo ser realidade daqui a dois anos, uma vez que foi o próprio CEO da marca, Jean-Phillipe Imparato, a confirmar que só nessa altura terá na estrada o primeiro modelo “zero emissões” da sua história. Citado pela Car Magazine, Imparato confirmou, no entanto, que o novo Giulia não chegará em 2024, embora diga que terá um sucessor. Isto significa que o novo Giulia poderá não ser o primeiro elétrico da Alfa Romeo – que já anunciou a transição para uma gama 100% elétrica a partir de 2027 na Europa, China e EUA. Imparato afirma ainda que nesta era 100% elétrica, as versões Quadrifoglio são para continuar.

Independentemente disso, sabe-se que a nova base STLA Large permite baterias entre 101 e 118 kWh de capacidade e níveis de potência a variar entre 170 e 450 cv. Com opção de tração dianteira, traseira ou integral, esta base possibilita um alcance máximo até 800 km.

Deixe uma resposta

*