Nissan terá furgão com base na Renault Kangoo

Família de furgões da aliança será produzida em França, na fábrica de Maubeuge

A nova Nissan NV250 substituirá a atual e maior NV200.

A próxima Kangoo só surgirá no mercado em 2020. Mas enquanto não surge a nova geração do furgão da marca francesa, o CEO da aliança Renault-Nissan-Mitsubishi, Carlos Ghosn, confirmou que a partir de meados do próximo ano começará a ser feita em Mauberge (França) a Nissan NV250, feita com base na atual Kangoo – que substituirá a atual e maior NV200.

Ghosn anunciou ainda o investimento de 450 milhões de euros nos próximos cinco anos e o recrutamento de 200 novos empregados para a referida fábrica, que garantirá a produção da futura família Kangoo. A quarta geração do furgão será feita com base na nova plataforma CMF-C, terá uma versão elétrica e estreará um sistema de abertura mãos-livres das portas laterais. Ao que tudo indica, também o novo modelo da Nissan terá uma derivação 100% elétrica.

A aliança Renault-Nissan-Mitsubishi confirmou ainda que continuará a produzir o furgão Mercedes-Benz Citan com base na nova Kangoo e que está a desenvolver um novo modelo da Mitsubishi feito com base na Renault Trafic especificamente para os mercados da Oceânia. A marca japonesa, por seu lado, ficará encarregue de liderar o processo de desenvolvimento de uma nova geração de pick-up. Isto significa que a nova geração da Nissan Navara, Renault Alaskan, Mercedes-Benz Classe X, Fiat Fullback serão feitos, ao que tudo indica, a partir da sucessora da atual Mitsubishi L200. Trevor Mann, o responsável operacional da Mitsubishi, adiantou ainda que a nova geração do Outlander será feita com base na plataforma CMF da Renault-Nissan. Este esforço de partilha de plataformas da aliança permitirá poupar cerca de 10 mil milhões de euros, segundo estimativas do grupo.

Deixe uma resposta

*