Opel aposta em Grandland X híbrido 4×2

Opel Grandland X PHEV 4x2

Com 224 cv, esta versão PHEV mais acessível tem menos 64 cv face ao Hybrid4.

Depois da chegada em outubro da versão de topo do SUV Grandland X Hybrid4, um híbrido plug-in de tração integral com 300 cv (que começa nos 57.670 euros), a Opel vai apostar numa versão mais acessível a partir de abril de 2020. Trata-se de uma versão de tração dianteira com 224 cv e 360 Nm (menos 76 cv e 160 Nm). O sistema propulsor (partilhado com o Citroën C5 Aircross Hybrid) reúne o mesmo 1.6 de quatro cilindros turbo com 180 cv (menos 20 cv) e apenas um motor elétrico de 110 cv acoplado à caixa automática de oito velocidades, mantendo a bateria de iões de lítio com 13,2 kWh de capacidade que lhe garantem até 57 km(WLTP) de autonomia em modo elétrico, menos 5 km que o Hybrid4.

O tempo de carregamento é inferior a 2 horas numa tomada opcional de 7,4 kW. Em modo Sport, anuncia 0-100 km/h em 8,9 segundos e uma velocidade máxima de 225 km/h. Esta versão plug-in 4×2 partilha com o 4×4 os três modos de condução e o sistema de travagem regenerativa.

Deixe uma resposta

*