Mercedes vai desistir de Classe S Coupé e Cabrio

Novo Mercedes-Benz Classe S View Gallery 2 photos

Próxima geração, a lançar em 2021 estará disponível apenas no formato berlina.

A Mercedes-Benz apresta-se para estrear ainda este ano a nova geração da berlina Classe S, que prevê lançar em 2021. E até já há uma foto que revela parcialmente o novo modelo, com origem na página do Instagram espanhola Cochespias. O novo modelo recorrerá a uma versão modificada da plataforma modular MRA, que contará com uma arquitetura elétrica que lhe permitirá incorporar um sistema de condução autónoma de nível 3 e um sistema de estacionamento autónomo, ao estilo do “valet parking”. A Autocar avança que entre o line-up do novo S estará um motor de seis cilindros turbodiesel 2.9 e um seis cilindros 3.0 turbo a gasolina, ambos disponíveis com tecnologia híbrida plug-in. Acima destes estará o V8 4.0 turbo “mild hybrid” para as versões com assinatura Mercedes-AMG. Haverá no topo da gama uma versão com motor V12, tal como garantiu o CEO da Daimler, Ola Källenius.

A principal novidade está, no entanto, nos formatos de carroçaria à disposição na nova geração, que existirá apenas sob a forma da berlina, com tamanho normal ou longo. Isto significa que o Classe S cabrio (A217), o primeiro descapotável “full-size” da marca de Estugarda desde que os W111 e W112 deixaram de ser produzidos, em 1971, será descontinuado no final do atual ciclo de produto – algo que deverá acontecer em 2022. Recorde-se que a Mercedes-Benz já tinha feito mesmo com o SLC. O Classe S Coupé seguirá o mesmo caminho, o que deixará o SL como o único “gran tourer” da gama.

À luz destas notícias, a Mercedes-Benz seguirá o mesmo rumo da rival BMW, descontinuando alguns modelos de baixo volume de vendas. A marca de Estugarda tem em curso várias medidas de redução de custos, que poderá passar também pelo corte de 10 mil postos de trabalho. Ao todo, a Mercedes-Benz pretende poupar 1,4 mil milhões de euros.

Deixe uma resposta

*