Mini Cabrio prepara-se para sair de cena

Mini Convertible

Descapotável deixará de ser produzido no final da atual geração em 2024.

A Mini prepara-se para reajustar a sua gama, sendo que a novidade mais sonante é que estão na calha dois SUV (um elétrico do tamanho do BMW X1 e outro de motor térmico com dimensões aproximadas de um X3). Contudo, a quarta vaga de Mini modernos será inaugurada com um “mini” Mini Hardtop, a lançar entre 2022 e 2023. Este modelo de três portas deverá replicar a motorização e bateria utilizada no elétrico Cooper SE. Isto significa que haverá modelos atuais a ficar pelo caminho, no final do atual ciclo de produto. Segundo a Automotive News será o caso do Mini Cabrio (na imagem, a edição especial Sidewalk) que deixará de ser feito em fevereiro de 2024. Apesar do forte apelo emocional deste modelo, o facto de representar um número de vendas residual face à restante gama Mini poderá justificar esta decisão, sobretudo face ao hatch hardtop. Em termos industriais esta versão de nicho requer maior complexidade em termos de construção, sobretudo devido ao tejadilho.

Com efeito, o próprio formato descapotável, no geral, tem vindo a perder terreno em termos de volume, sobretudo em detrimento dos crossovers. A própria Mini vê necessidade de apostar rapidamente em modelos mais “mainstream”, uma vez que construiu em 2019 pouco mais do que 30 mil carros (menos 14% face a 2016).

Deixe uma resposta

*