Designer traz BMW E9 para os dias de hoje

BMW EV9 View Gallery 15 photos

O protótipo virtual evoca o desenho do icónico coupé através de linhas minimalistas.

Nos últimos tempos temos assistido a uma aposta cada vez maior em automóveis com inspiração retro. Cientes disso, os designers têm vindo produzir várias reinterpretações modernas de alguns modelos icónicos. O alvo mais recente de uma dessas transformações é o BMW E9, um coupé produzido pelo construtor germânico entre 1968 e 1975, que foi transformado num veículo elétrico minimalista pelas mãos de Chacko Abraham.

Com o objetivo de “explorar a possibilidade de produzir um BMW que tivesse em consideração os fatores humanos dos coupés antigos”, o designer procurou simplificar as linhas enquanto manteve uma aparência futurista. Desta forma, o protótipo virtual recebeu um para-choques inspirado na versão 3.0 CSL que passou a estar enquadrado na zona frontal com o tradicional “rim” e umas óticas em LED complementadas pelas luzes de mudança de direção integradas na carroçaria. De modo a preservar a sua identidade, todos os pilares foram desenhados tendo em vista o modelo original e a zona traseira acomodou uns farolins em LED horizontais. Já o aspeto das jantes, foi inspirado pelo lendário BMW M1.

Como seria de esperar, o interior mantém a aparência minimalista, com destaque para o volante de quatro raios, mas é composto por tecnologias e sistemas de inteligência artificial “para que os utilizadores se possam concentrar no prazer da sua viagem”. Quanto a nós, Chacko Abraham fez um excelente trabalho.

Deixe uma resposta

*