Dodge vai despedir-se do Charger e do Challenger

Dodge Challenger

Planos da marca norte-americana passam por um elétrico, um híbrido plug-in e por um terceiro modelo que poderá ser um SUV.

Em julho, a Dodge já tinha revelado um teaser de um “muscle car” 100% elétrico a lançar em 2024. Isso é sinal que a era destes desportivos, tal como os conhecemos, está a acabar. Depois quase extintos durante as crises petrolíferas, estes modelos sofrerão um novo revés com a confirmação do desaparecimento do Charger e do Challenger precisamente em 2024. Esta dupla será substituída por novos modelos e uma nova plataforma (a STLA Large, que permite mais 800 km de autonomia). Antes disso, em 2023, os Hellcat serão descontinuados, abrindo caminho para uma nova era de eletrificação da marca integrada no grupo Stellantis. Não se sabe para já se a sigla Hellcat sobreviverá na próxima fase.

Estes próximos dois anos prometem ser agitados para a Dodge. Ouvido pela Motor Trend, o CEO da marca norte-americana, Tim Kuniskis, afirmou que já no primeiro trimestre do novo ano será mostrado um protótipo do já mencionado modelo elétrico, que chegará à produção em 2024 com a promessa de ser o primeiro “muscle car” elétrico do mundo. Kuniskis não consegue, para já, sossegar os mais puristas, uma vez que não é capaz assegurar se este modelo “zero emissões” será o “musclar car” mais rápido de sempre da Dodge. Pelo meio haverá um híbrido plug-in, a lançar no final do próximo ano. Sabe-se que será um modelo totalmente novo, mas que não será um Durango (“primo” do Jeep Grand Cherokee, que acaba de receber uma versão PHEV 4xe). Haverá ainda um terceiro pilar na nova estratégia da Dodge, que poderá muito bem ser um SUV. A Dodge diz ainda que a possibilidade de recuperar o nome Fratzog, originalmente utilizado no início da década de 1960, não passou de uma brincadeira.

A Dodge diz que não irá esquecer o seu legado e que estes novos modelos serão do interesse dos entusiastas da marca, embora já sem o motor V8 6.2 Hemi com compressor, também partilhado com modelos da Ram e da Jeep.

Deixe uma resposta

*