Nissan confirma que sucessor do Micra será elétrico

Nissan Micra

Exclusivo para a Europa, o modelo de base CMF-BEV será um “irmão” do Renault 5 EV.

A Nissan confirmou que lançará um novo utilitário totalmente elétrico com base numa plataforma partilhada com a Renault. Este modelo faz parte do plano de investimento de 23 mil milhões de euros em eletrificação que será posto em prática ao longo dos próximos cinco anos pela aliança Renault-Nissan-Mitsubishi.

Exclusivo para a Europa, onde tem lançamento previsto para 2025, o novo Micra evoluirá a partir da plataforma CMF-BEV que estreará um ano antes no revisitado Renault 5. Prevê-se que esta base possibilite uma autonomia superior a 400 km. A CMF-BEV permitirá produzir cerca de 250 mil carros por ano para as marcas Renault, Nissan e Alpine. Segundo a aliança, esta plataforma contribuirá para uma redução de custos na ordem dos 33% e de cerca de 10% nos consumos comparativamente com a base utilizada no Renault Zoe. A CMF-BEV será uma das cinco plataformas da aliança, que inclui a CMF-EV dos novos Nissan Ariya e Renault Mégane E-Tech Electric, mas também uma específica para “kei cars” para o Japão e outra mais barata CMF-AEV que é utilizada no Dacia Spring. Estas cinco bases serão utilizadas em 35 carros novos até 2030.

Segundo a Nissan, apesar da partilha da plataforma, os novos produtos manterão uma estética diferenciada. Tal como o primeiro teaser dá a entender, o sucessor do Micra terá um visual futurista que o demarca das linhas retro do Renault 5 EV. Segundo a Les Echos, o novo Micra 6 será produzido em Douai (França). A geração atual do utilitário, que é feita em Flins (França), será descontinuada no final de 2022.

Deixe uma resposta

*