Skoda prepara híbrido RS com 242 cv

Sketch do Skoda Vision RS View Gallery 5 photos

O protótipo desportivo que antecipa um compacto desportivo pode percorrer até 70 km em modo elétrico.

A Skoda tem vindo a revelar lentamente um conjunto de imagens teaser do Vision RS, um protótipo que pretende projetar uma futura derivação desportiva do sucessor do Rapid (um hatchback a lançar em 2019), e agora confirmou que o sistema propulsor deste modelo é híbrido plug-in. A constituí-lo está um motor a gasolina de quatro cilindros 1.5 TSI com 150 cv a funcionar em conjunto com um motor elétrico com 102 cv, para um débito total de 242 cv. A alimentar o sistema está uma bateria de iões de lítio com 13 kWh de capacidade para uma autonomia em modo elétrico até 70 km (ciclo NEDC) e emissões de CO2 de 33 g/km. O Vision RS carrega as baterias em 2h30. Este “hot hatch” anuncia ser capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 7,1 segundos e de fazer 80-120 km/h em 8,9 segundos.

O Skoda Vision RS tem 4356 mm de comprimento e uma bagageira com 430 litros de capacidade – valores que poderão dar uma ideia mais concreta das dimensões do próximo Rapid, que será feito com base na plataforma MQB A0. O protótipo conta com um visual agressivo, sobretudo devido ao lábio dianteiro e para-choques com entradas de ar generosas. Há vários detalhes que reforçam o seu aspeto desportivo, nomeadamente as saias laterais sobredimensionadas, difusor traseiro, a que se juntam o spoiler no tejadilho e cavas das rodas pronunciada em fibra de carbono. A marca checa adianta que os bancos são feitos em alcantara, recorrendo à fibra de carbono para a consola central (que integra um sistema “by wire” para a caixa de dupla embraiagem DSG), painéis das portas, bancos e vários elementos decorativos.

O Vision RS será mostrado no dia 2 de outubro no Salão de Paris, em França.

Deixe uma resposta

*