Ingleses preparam supercarro elétrico de 659 cv

Apex AP-0 Concept View Gallery 11 photos

Inspirado em modelos de competição, o Apex AP-0 tem lançamento previsto para 2022.

A Apex é uma nova empresa sedeada no Reino Unido que se está a lançar no mundo dos supercarros elétricos. O protótipo AP-0, que tinha prevista a sua estreia original no Salão de Genebra deste ano (entretanto, cancelado devido ao coronavírus), foi ontem finalmente revelado em Londres. Esta é a base para um modelo a produzir na segunda metade de 2022 em Woking (no Reino Unido) – onde conseguirá construir 500 unidades por ano – e que estará disponível globalmente a partir de cerca de 166 mil euros. Como bom modelo de ambições desportivas é feito com base num chassis tubular e painéis da carroçaria em fibra de carbono, com estrutura modular e com uma espécie de espinha central que permite aumentar a rigidez torsional. Neste modelo desenhado por Guy Colborne, o mesmo autor do Elemental RP1, também não foi esquecida a componente aerodinâmica, não só ao nível da silhueta, inspirada nos F1 e nos protótipos de Le Mans. A Apex diz que o AP-0 consegue produzir consideráveis níveis de “downforce” em virtude da utilização de vários spoilers e sobretudo por causa da barbatana vertical de grandes dimensões que surge integrada nos farolins traseiros, ajudando a assumir a forma de uma cruz – que é o logótipo da nova marca. A suspensão de tipo “push-rod” é inspirada nos F1 e em conjunto com jantes de 19 e 20 polegadas em fibra de carbono com pinças de seis êmbolos na dianteira. À disposição estão discos carbocerâmicos de 360 mm à frente e de 340 mm atrás. Visualmente, um dos traços caraterísticos deste AP-0 são as portas de abertura “em borboleta”.

Em termos de performance, a Apex diz que estamos perante um modelo de tração traseira capaz de debitar 659 cv, equipado com uma bateria de iões de lítio de 90 kWh encaixada no piso do carro a possibilitar a uma autonomia até 515 km, sendo capaz de carregar até 80% em 15 minutos com um carregador rápido de 350 kW ou 100% em oito hora com um carregador de tipo 2. Este modelo de estrada AP-0 pesa apenas 1200 kg, o que lhe permite acelerar de 0 a 100 km/h em 2,3 segundos e atingir uma velocidade máxima de 306 km/h.

No habitáculo, destaca-se a posição de condução com os pés levantados ao estilo da F1, num modelo com apenas 9,4 cm de altura. O volante é quadrado e o condutor beneficia de três ecrãs. O AP-0 vem equipado com um “instrutor” de realidade aumentada, recorrendo a um sistema LiDAR, especialmente concebido para ajudar aqueles que querem andar em pista. Uma das novidades é também um sistema de condução autónoma de nível 3 (embora esteja preparado encaixar um de nível 4, quando estiver disponível).

Por fim, a Apex revelou que está nos seus planos desenvolver uma pista e uma academia de pilotos perto de Hong Kong onde instalará um centro de pesquisa e desenvolvimento para futuros modelos.

Antes do AP-0, a Apex lançou o AP-1, um pequeno desportivo de 620 kg do qual vendeu apenas pouco mais de 10 unidades.

Deixe uma resposta

*