24 Horas de Le Mans adiadas devido ao Covid-19

24 Horas de Le Mans

Mítica corrida de resistência foi reagendada para os dias 19 e 20 de setembro.

O Automobile Club de l’Ouest, a associação que organiza as icónicas 24 Horas de Le Mans, anunciou que vai adiar a data de realização da prova devido aos efeitos da atual situação do coronavírus. Esta competição, que tinha data marcada para os dias 13 e 14 de junho, vai então ser realizada nos dias 19 e 20 de setembro do presente ano. A decisão afetará o calendário do Campeonato do Mundo de Endurance (WEC) obrigando ao reagendamento de todas as provas.

Segundo Pierre Fillon, o presidente do Automobile Club de l’Ouest, “adiar a prova é a decisão mais sensata nestas circunstâncias excecionais”, acrescentando que, “acima de tudo, a nossa principal preocupação é evitar colocar em risco os nossos espetadores e todos os que os rodeiam”. O responsável referiu ainda que a associação irá emitir, em breve, uma declaração com todas as alterações ao planeamento da prova e do campeonato.

De relembrar que esta situação não é inédita. Já em 1968, as 24 Horas de Le Mans foram adiadas para setembro devido à agitação civil que se fazia sentir em França no momento da sua realização. Para além disso, desde 1923, o ano de estreia, a competição já foi cancelada por duas ocasiões: em 1936 devido a greves dos trabalhadores, e entre 1940 e 1948 devido à Segunda Guerra Mundial e respetiva reestruturação europeia no pós-guerra.

Deixe uma resposta

*