PSA reiniciará atividade em Mangualde a 6 de maio

Os três modelos fabricados em Mangualde

Reabertura gradual das fábricas do grupo francês começou hoje, com medidas de segurança especiais.

A PSA anunciou o reinício progressivo da atividade das suas fábricas, num contexto da abertura dos stands. O regresso ao trabalho neste cenário de desconfinamento começou hoje (4 de maio) e prolonga-se até ao dia 11 de maio (essa última será precisamente a do retomar em que voltarão a funcionar as fábricas em França). Uma das fábricas que recomeçará a laborar dentro deste intervalo temporal será a de Mangualde, que retomará a sua atividade a 6 de maio (a próxima quarta-feira). Nesse dia reabrirão os trabalhos de preparação das unidades de ferragem e no dia seguinte (dia 7) estarão em laboração todas as áreas de produção.

Desde a paragem da fábrica originada devido à crise sanitária originada pelo coronavírus, o grupo PSA implementou um grupo de medidas sanitárias reforçadas nas suas instalações, desenvolvidas com o apoio dos serviços médicos da empresa e com contribuição dos representantes dos trabalhadores, visando proteger os trabalhadores.

Medidas implementadas:

  • Uso, sempre que possível, de transporte individual. Em caso de partilha, fornecimento de máscaras e regra de lotação pré-definida (colocação escalonada na parte de trás do veículo).
  • Medição de temperatura à entrada da fábrica, além da automonitorização de sintomas
  • Fornecimento individual de máscaras e gel alcoólico
  • Uso de óculos e máscaras na fábrica
  • Respeito pela distância entre as pessoas em todos os espaços, incluindo áreas de descanso, áreas para fumadores com marcas no chão
  • Manter as portas abertas (exceto portas corta-fogo) para evitar o contacto com os puxadores ou alavancas
  • Limpeza frequente de ferramentas e superfícies de trabalho
  • Tempo de espera durante qualquer troca de peças não preparadas no ambiente PSA
  • Ajuste da rotação nas trocas de equipas para evitar cruzamento dos trabalhadores

Deixe uma resposta

*