Aston Martin DB5 Júnior é feito para miúdos e graúdos

Aston Martin DB5 Junior View Gallery 9 photos

Modelo elétrico é dois terços do tamanho face ao icónico carro de James Bond. Começa nos 39 mil euros.

A Aston Martin apresentou a versão “júnior” do lendário gran tourer de luxo DB5, que promete uma enorme autenticidade face ao carro popularizado pelos filmes da saga de James Bond. Desenvolvido em conjunto com a The Little Car Company (responsáveis pelo Bugatti Baby II), o DB5 Junior foi criado a uma escala de 67% face ao original, tem cerca de 3 metros de comprimento, 1,1 m de largura e 270 kg. Apesar de se dirigir sobretudo para crianças, também pode ser conduzido por adultos – aliás, há espaço no interior para uma criança e um adulto em bancos separados.

O DB5 Junior foi feito com base em scans 3D do DB5 original. É construído com base num chassis em alumínio em favo de abelha e a carroçaria é feita a partir de um material compósito quase idêntico ao do modelo de tamanho original. Por dentro, destaque para o mesmo relógio e instrumentação Smiths do DB5 de 007. Os travões e o pedal do acelerador são em alumínio, e os revestimentos são em couro preto.

Este “mini” Aston Martin clássico é impulsionado por um motor elétrico com 6,8 cv debitados no eixo traseiro, que lhe permitem atingir uma velocidade máxima de 48 km/h no modo Expert. Para os principiantes, há um modo Novice que limita a velocidade a 19 km/h. Inclui um comando que permite desligar o carro remotamente que funciona até 30 metros de distância. Em contraste, no modo Race é possível alinhar a aceleração e a velocidade máxima com outros da Little Car Company para fazer uma competição. Este DB5 Junior dispõe de jantes de 10 polegadas, discos de travão ventilados nas quatro rodas e travagem regenerativa.

O Junior tem uma suspensão de triângulos sobrepostos no eixo dianteiro, com uma geometria similar ao DB5 original. A suspensão traseira tem um braço ajustável Panhard. O pack de baterias amovível posicionado debaixo do capot permite uma autonomia até 32 km.

Para quem esteja à procura de mais performance, existe uma versão Vantage que duplica o débito de potência para 13,6 cv, não tendo comunicado a velocidade máxima desta versão. A carroçaria neste caso é em fibra de carbono e até há um diferencial autoblocante para melhorar a tração a alta velocidade. Dependendo do tipo de condução, a bateria permite duplicar a autonomia até 64 km.

Limitado a 1059 unidades, tem preços começam nos 39 mil euros. A versão Vantage sobe para 50 mil euros. A produção arrancará em 2021 e as primeiras entregas estão previstas antes de 2023.

Deixe uma resposta

*