Suzuki Jimny regressa a Portugal em versão comercial

Suzuki Jimny Pro View Gallery 5 photos

Jimny Pro está disponível com um motor a gasolina 1.5 de 102 cv.

A Suzuki lançou no mercado nacional o Jimny Pro, uma versão comercial do modelo de todo o terreno. Homologado na categoria N1 (ligeiro de mercadorias), esta nova versão tem um preço a começar nos 28.374 euros (sem incluir despesas e pintura metalizada). A única opção disponível é a pintura metalizada na cor verde Jungle, que custa 350 euros.

Este Jimny com espaço para dois ocupantes (sem bancos traseiros) vem munido de um motor a gasolina 1.5 de 102 cv e 130 Nm, com um sistema de tração integral e caixa de redutoras. O modelo de 1090 kg anuncia um consumo médio de 7,7 l/100 km e emissões de CO2 de 173 g/km. Visualmente, este Jimny Pro é em tudo semelhante ao Jimny convencional, tendo a virtude de ter ganho mais espaço na bagageira que passa a dispor de 863 litros à disposição (mais 33 litros do que a versão de passageiros com os bancos traseiros rebatidos) com uma rede metalizada a separar a zona de carga dos bancos da frente. Em face da nova homologação, este Jimny de trabalho é obrigado a um limite de 110 km/h em autoestrada, além de ser sujeito a intervalos mais curtos de inspeção. O Jimny Pro possui um ângulo de ataque de 37 graus, um ângulo ventral de 28 graus e um ângulo de saída de 49 graus.

Este Pro é o substituto do Jimny de quatro lugares que foi descontinuado na Europa devido ao excesso de emissões de CO2. Ao adaptar uma homologação como veículo comercial ligeiro, o fabricante nipónico conseguiu contornar a legislação – uma vez que os comerciais não estão sujeitos ao mesmo regulamento.

Deixe uma resposta

*