Nova VW Amarok vai ser assim

Volkswagen Amarok View Gallery 4 photos

Próxima geração da pick-up será feita com base na mesma plataforma da Ford Ranger.

A Volkswagen revelou um “sketch” que mostra o aspeto da versão de produção da nova geração da Amarok. A pick-up será construída com recurso à mesma plataforma da Ford Ranger. Ambas serão feitas a partir de 2022 na fábrica da Ford em Silverton, na África do Sul. Para o efeito, a marca norte-americana investiu perto de um milhão de euros na reconversão e expansão da fábrica. A produção conjunta de ambos será ao ritmo de 200 mil unidades por ano. O desenho oficial agora publicado pela divisão de veículos comerciais da VW mostra uma pick-up de aspeto visivelmente mais agressivo e futurista comparativamente com o antecessor, com uma grelha mais proeminente (ao estilo do Touareg), arcos das rodas mais pronunciados (na mesma linha do SUV Atlas) e um guincho de reboque em cor de laranja. Destaque também para o para-choques de formato musculado, faróis em LED com uma tira a luminosa a interliga-los, além das luzes auxiliares no tejadilho. Debaixo do capot estão também previstos motores da Ford, nomeadamente o 2.0 EcoBlue, um 3.0 Power Stroke e uma variante híbrida plug-in com 362 cv. Está também confirmada uma nova Ranger Raptor, variante desportiva que não deverá ter versão equivalente com símbolo da VW.

O acordo de economias de escala prevê ainda que a VW venha a construir na Turquia um furgão com base na plataforma da Ford Transit e que, em sentido contrário, a Ford produza na Alemanha carros elétricos com recurso à base MEB do grupo VW.

A VW aproveitou para confirmar que numa janela de dois anos vai lançar as novas gerações do Caddy, Multivan e da “Pão de Forma” elétrica (a variante de produção do protótipo ID. Buzz, que contará com uma versão totalmente autónoma).

Deixe uma resposta

*