Tänak termina primeiro dia na frente do Rali de Portugal

Ott Tänak

O estónio da Hyundai leva 6 segundos de vantagem sobre Elfyn Evans (Toyota).

O Rali de Portugal arrancou hoje com o trio da Hyundai formado por Tänak, Dani Sordo e Thierry Neuville a dominar as operações nos seis primeiros troços (com duas passagens pela Lousã, Góis e Arganil). A fechar o dia, Tänak venceu em Mortágua e a superespecial em Lousada. Apesar de ter tido um furo da parte da tarde, o estónio terminou o dia com 6 segundos de vantagem em relação a Elfyn Evans (Toyota) e a Sordo, que teve problemas de motor em Mortágua. Pior esteve Neuville que bateu contra uma árvore e danificou a suspensão, tendo sido obrigado a desistir da prova. Takamoto Katsuta (Toyota) teve o seu melhor dia de sempre no WRC, ocupando neste momento o quarto lugar da classificação à frente de Sébastien Ogier (Toyota), o atual campeão do mundo e líder da competição, que teve um dia para esquecer.

Em WRC2, o dia foi animado com trocas na liderança entre Nikolay Gryazin (VW), Teemu Suninen (M Sport) e Esapekka Lappi (VW). Contudo, quem leva para já a melhor é Lappi com 2,2 segundos de vantagem sobre Gryazin.

Hoje Armindo Araújo (Skoda) foi o vencedor da prova a contar para o Campeonato de Portugal de Ralis, à frente de Bernardo Sousa (Skoda) e Ricardo Teodósio (Skoda). Com este triunfo, Araújo assume o comando do nacional.

Deixe uma resposta

*