VW apresenta Golf R Variant com 320 cv

VW Golf R Variant

Com 611 litros de capacidade na bagageira, é apenas 0,2 segundos mais lenta do que a versão de cinco portas na aceleração de 0 a 100 km/h.

A Volkswagen repete a receita da geração anterior, e ao Golf R convencional junta-lhe uma carrinha. O sistema motopropulsor escolhido para esta Golf R Variant, cuja chegada está prevista para o outono, é o suspeito do costume: o 2.0 TSI de quatro cilindros turbo a gasolina com 320 cv e 420 Nm, associado a um sistema de tração integral 4Motion com vectorização de binário e a uma caixa de dupla embraiagem de sete velocidades DSG. Este conjunto permite à nova Golf R Variant acelerar de 0 a 100 km/h em 4,9 segundos (0,2 seg. mais lenta que o hatchback) e atingir uma velocidade máxima de 250 km/h (ou 270 km/h quando acionado o R Performance Package).

A receita aqui aplicada é a mesma de outros modelos com símbolo R, com uma carroçaria rebaixada e um sistema de controlo adaptativo do chassis incluídos de série, complementado por detalhes estéticos específicos como as jantes de 18 polegadas, uma frente mais agressiva, pinças de travão em azul, capas dos espelhos prateadas e um difusor traseiro mais proeminente de onde ressaltam quatro ponteiras de escape. Em opção, existem jantes de 19 polegadas e dois modos de condução adicionais: Special (especialmente concebido para “hot laps” em Nürburgring) e Drift.

O grande trunfo desta variante de carroçaria é, no entanto, a bagageira que surge com 611 litros de capacidade ou 1642 litros com o rebatimento dos bancos posteriores. A capacidade de reboque vai até 1900 kg. A isso junta vários ganchos na mala, uma tomada de 12V e outra de 230 V, a que alia um sistema de abertura mãos-livres e a chapeleira de acionamento elétrico. Para mais, nesta geração a carrinha beneficia de mais espaço para pernas nos lugares posteriores em virtude do aumento da distância entre eixos.

Deixe uma resposta

*