Aston Martin DB6 convertido num carro elétrico

Aston Martin DB6 Lunaz

Além disso, a Lunaz faz “restomod” elétricos do DB4 e do DB5, o carro mais famoso de James Bond.

A Lunaz Design continua na sua cruzada de conversões de clássicos em carros elétricos. Depois do clássico Bentley Continental, dos Rolls-Royce Phantom V e Silver Cloud, do Jaguar XK120 e do primeiro Range Rover, agora é a vez do Aston Martin DB6.

Para este novo projeto, os britânicos desmantelaram o modelo original e através de scan 3D e de modelos por computador conseguiram aperfeiçoar alguns dos pontos fracos do clássico da Aston Martin, assim como obter uma melhor distribuição de pesos. Com base nisso, prepararam também o sistema propulsor elétrico, provavelmente com 380 cv e 700 Nm, desenvolvido pela própria Lunaz que substitui o motor original 4.0 de seis cilindros em linha. Nisso não mudou muito face ao processo adotado nos outros modelos já referidos, com o cliente a poder escolher entre um pack de baterias com 80 ou 120 kWh de capacidade – para um alcance máximo até 410 km e capacidade para efetuar carregamentos rápidos. Este “restomod” do DB6 tem ainda a particularidade de poder ser personalizado ao gosto do comprador, podendo incluir elementos modernos como navegação, ar condicionado, Wi-Fi ou infotainment. A juntar a isso, recebeu alterações ao nível da suspensão, direção e travões.

Este DB6 junta-se ao DB4 e ao DB5 no lote de carros aptos a receber o tratamento da Lunaz num número de unidades bastante limitado. No caso do DB6, o preço cobrado pela firma de Silverstone pela operação de conversão em elétrico custa 864 mil euros. As primeiras entregas estão previstas para o terceiro trimestre de 2023.

Deixe uma resposta

*