Mercedes-AMG C63 de quatro cilindros faz primeira aparição

Mercedes-AMG C63 Concept

Híbrido com base num motor 2.0 a gasolina será cerca de 200 cv mais potente face ao antecessor.

A Mercedes-AMG apresentou no passado fim de semana nas 24 Horas de Nürburgring, na Alemanha, um protótipo ainda disfarçado do próximo C63. E, segundo a Autocar, confirma-se que a berlina desportiva de Affalterbach substituirá o motor V8 4.0 pelo M139 utilizado no AMG A45. Contudo, para o efeito, foram operadas mudanças substanciais no bloco 2.0 de quatro cilindros turbo. Este motor será colocado em posição longitudinal e crescerá de 421 para 477 cv. Além disso, o propulsor contará com o auxílio de motor elétrico colocado no eixo posterior a debitar mais 204 cv. A potência combinada de ambos é de 680 cv e 750 Nm, cerca de 200 cv a mais face ao C63 antigo. Além disso, o novo C63 contará com tecnologia “mild hybrid” com um motor de arranque/gerador de 48V, herdado dos 53 de seis cilindros. A potência é gerida através de uma caixa automática de nove velocidades com conversor de binário. Apesar do aparato do sistema híbrido, o fabricante deverá garantir que o peso é abaixo do V8 antigo, com a vantagem de baixar o centro de gravidade. Só o motor térmico pesa quase menos 50 kg face ao antigo.

Este novo “set-up” PHEV é de tração integral 4Matic, contrastando com o C63 de tração traseira de geração anterior. Está previsto que o novo C63 “eletrificado” seja mostrado nas próximas semanas.

Visualmente, ainda assim é possível ver o kit estético mais agressivo, jantes AMG acompanhadas de discos de travão perfurados e ventilados, além de quatro ponteiras de escape.

Deixe uma resposta

*