Grupo VW aposta em trio de citadinos elétricos

VW e-up

VW Up, Seat Mii e Skoda Citigo serão lançados em 2020 com três opções de bateria.

Em maio, a Volkswagen abrirá o livro de encomendas do I.D. Neo, o primeiro da nova vaga de modelos elétricos da VW – que estreará a base modular MEB. Contudo, ainda há um novo fôlego para o VW Up elétrico (e-up, na imagem, lançado originalmente em 2103) a partir do próximo ano. Ao contrário do que sucedeu até aqui, o citadino com o símbolo de Wolfsburg terá desta vez a companhia dos “irmãos” Skoda Citigo e Seat Mii. Cada um dos três modelos (conhecidos pelo nome de código VW130 e feitos com base na antiga plataforma PQ) estará disponível com três opções de bateria, com níveis de potência distintos. O nível de acesso contará com bateria de 24 kWh, motor elétrico com 95 cv e autonomia superior a 300 km. O nível intermédio terá bateria de 36 kWh, motor de 122 cv e autonomia superior a 400 km. A versão de topo será munida de uma bateria de 49 kWh, motor de 150 cv e autonomia perto dos 500 km.

A má notícia é que o grupo VW deixou de trabalhar em sucessores diretos para esta família de citadinos elétricos. Aparentemente, a VW, tal como outros construtores, está a estudar uma forma de construir citadinos que sejam rentáveis.

Deixe uma resposta

*