SF90 Stradale é o Ferrari de estrada mais potente

Ferrari SF90 Stradale View Gallery 10 photos

O novo híbrido plug-in de tração integral debita um total de 1000 cv.

A Ferrari apresentou o seu modelo de estrada mais potente de sempre: o SF90 Stradale. Trata-se de um híbrido plug-in de 1000 cv (mais 37 cv em relação ao LaFerrari), cujas primeiras entregas estão previstas para o primeiro trimestre do próximo ano. Para começar, a marca italiana brinda-nos com o seu V8 mais potente de sempre, um 4.0 biturbo (o mesmo do 488 Pista) a debitar 779 cv às 6000 rpm e 800 Nm de binário máximo. Este motor – o primeiro V8 da Ferrari com um sistema de injeção a 350 bar – funciona em conjunto com três motores elétricos (um localizado no eixo traseiro e os restantes no eixo dianteiro), alimentados por baterias de iões de lítio de 7,9 kWh de capacidade a fornecerem mais 220 cv de potência. O sistema híbrido funciona em combinação com uma caixa de dupla embraiagem de oito velocidades (que permite consumos 8% mais baixos face à anterior de sete velocidades, mas com passagens 30% mais rápidas) e um sistema de tração integral (até aqui só presente o GTC4Lusso). Este conjunto permite que o novo desportivo de referência da casa de Maranello anuncie 0-100 km/h em 2,5 segundos e que chegue aos 200 km/h em apenas 6,7 segundos. A velocidade máxima é de 340 km/h. Segundo a Ferrari, o SF90 registou uma volta ao circuito de testes de Fiorano em apenas 79 segundos, superando o tempo de 1min.19,70 segundos alcançado pelo LaFerrari. O SF90 conta com um modo 100% elétrico até 25 km de autonomia, limitado a um máximo de 135 km/h.

Exteriormente, o SF90 conta com uma frente do chassis 15 mm mais elevada face ao centro, o que permite uma melhor canalização do ar. Graças ao kit aerodinâmico da carroçaria, o novo desportivo é capaz de gerar até 390 kg de “downforce” a 250 km/h (mais 30 kg do que o LaFerrari). Por dentro, o SF90 também traz novidades, com realce para o novo painel de instrumentos HD curvo de 16 polegadas, HUD de última geração, num cockpit inspirado nos F1, onde se destacam ainda os modos de condução no eManettino posicionado no volante: eDrive (puro elétrico), Hybrid, Performance e Qualify (ideal para pista).

O SF90 Stradale pesa 1570 kg, o que faz dele 15 kg mais leve que o LaFerrari. Apesar disso, traz um chassis 20% mais rígido, numa plataforma que possui uma rigidez torsional 40% superior.

Deixe uma resposta

*