Elétrico Lucid Air faz mais de 644 km com uma única carga

Lucid Air

Berlina norte-americana, concorrente do Tesla Model S, deverá estar à venda no início de 2021.

A start-up californiana Lucid Motors prometeu e cumpriu: levou um protótipo da sua berlina elétrica Lucid Air numa viagem pela costa californiana de São Francisco a Los Angeles, superando a barreira de 400 milhas (644 km) a que se propôs, sem parar para carregar. E até filmou a proeza para o comprovar. Durante o vídeo é possível ver uma imagem do Google Maps onde a rota definida tem 411 milhas, ou seja, 661 km. Um aspeto que deve ser tido em conta é que estes valores foram obtidos com protótipo ainda “despido” da berlina. Apesar disso, um porta-voz da Lucid disse à Green Car Reports que repetiu os testes e que é possível alcançar os mesmos resultados com o peso do modelo final.

A Lucid Motors tem vindo a trabalhar neste modelo, um potencial concorrente do Tesla Model S, desde 2016. As promessas em relação ao Lucid Air não ficam por aqui, uma vez que anuncia 0-100 km/h abaixo dos 2,5 segundos e uma velocidade máxima superior a 322 km/h. Segundo a marca, a bateria tem 110 kWh de capacidade e está colocada no piso do carro. Sabe-se que a Lucid aumentou a voltagem do Air face os 400 volts do modelo original, embora não se saiba para que valores. Essa mudança permite melhorar a gestão térmica e em ultima análise melhorar a eficiência e a autonomia. Outra novidade é que trocou os motores de indução por motores síncronos de ímã permanente (de baixa tensão).

Contudo, há dados relevantes em relação a esta elegante berlina “zero emissões” que ainda não são do conhecimento público, a começar pelo débito de potência, tempos de carregamento e preços de toda a gama (apesar de já ter sido anunciado que o valor base nos EUA será de 60 mil dólares – cerca de 55 mil euros). A Lucid Motors pretende seguir os passos da Tesla e vender o carro diretamente aos consumidores, oferecendo também a possibilidade de efetuar atualizações de software “over the air”. Entre os opcionais sabe-se que terá uma configuração de 1000 cv, bancos traseiros tipo poltrona e um teto em vidro panorâmico. O Lucid Air tinha a sua estreia prevista para abril para o Salão de Nova Iorque. Contudo, o evento foi adiado para agosto devido ao coronavírus. Estima-se que o Lucid Air (cujo lançamento original estava previsto para 2018) deverá começar a ser produzido ainda este ano no Arizona e as primeiras entregas estão previstas para o início do próximo ano.

A título de comparação o Tesla Model S Long Range Plus anuncia até 629 km de autonomia e a General Motors diz que a sua nova plataforma permite produzir modelos com autonomia superior às referidas 400 milhas.

Deixe uma resposta

*