Maserati estreia Ghibli Hybrid com 330 cv

Maserati Ghibli Hybrid View Gallery 18 photos

Nova variante com motor 2.0 de quatro cilindros a gasolina conta com o auxílio de um compressor elétrico e um sistema mild hybrid de 48V.

A Maserati apresentou o primeiro modelo “eletrificado” da sua história: o Ghibli Hybrid. Esta nova versão mild hybrid da berlina de luxo estará disponível para encomenda a partir de setembro e as primeiras entregas estão previstas para outubro. O Ghibli Hybrid conta com os préstimos de um motor 2.0 de quatro cilindros turbo a gasolina conjugado com um sistema microhíbrido. Este sistema de 48V inclui um BSG (Belt Start Generator – que faz as funções de alternador), que permite recuperar energia durante a travagem e desaceleração. A referida energia fica armazenada numa bateria, posicionada num compartimento colocado na mala, que serve para alimentar um compressor elétrico, responsável por fornecer binário adicional para compensar o atraso da resposta do turbo. O sistema tem um débito total de 330 cv e 450 Nm (às 4000 rpm), surgindo acoplado a uma caixa automática de oito velocidades ZF responsável por enviar a potência para o eixo posterior.

Segundo a marca italiana, este sistema híbrido permite atingir uma performance de um V6 a gasolina de 350 cv, ou seja, 0-100 km/h em 5,7 segundos e uma velocidade máxima de 255 km/h, poupando ainda assim mais 20% de combustível, segundo estimativas na Maserati. O motor a gasolina 2.0 deste Ghibli híbrido é o mesmo utilizado pela Alfa Romeo, contudo, foi sujeito a alterações na ECU de modo a disponibilizar mais binário. Contudo, em compensação, a oferta híbrida permite obter, segundo a marca, menos 25% de emissões de CO2 (a partir das 192 g/km) e consumos a rondar os 8,5 l/100 km – valores por homologar, mas similar à variante Diesel V6 (80 kg mais pesada face ao Hybrid), que sairá agora de cena.

O Ghibli Hybrid diferencia-se da restante gama pela nova grelha dianteira, detalhes em azul e pela cor exterior exclusiva cinza Grigio Evoluzione. Na traseira, há ainda farolins com uma nova assinatura luminosa ao estilo boomerang (similares ao concept Alfieri). O som do escape foi trabalhado e amplificado de forma artificial. O Ghibli eletrificado está disponível nas versões GranSport e GranLusso. A berlina híbrida conta com a mais recente do sistema de infotainment de base Android MIA com ecrã tátil de maior resolução com 10 polegadas, dotado de um funcionamento mais rápido e novos comandos por voz, segundo o fabricante.

Depois do Ghibli, a Maserati prepara-se para introduzir esta versão híbrida no Quattroporte e no SUV Levante até ao final do ano.

Deixe uma resposta

*