Ferrari Portofino M traz mais potência e nova caixa DCT

Ferrari Portofino M View Gallery 4 photos

Versão Modificata promete também melhorar o comportamento dinâmico.

A Ferrari apresentou uma versão Modificata do grand tourer “hard-top” Portofino. Mais do que um simples “facelift”, este Portofino M, cujas primeiras entregas estão previstas para o segundo trimestre de 2021, conta com uma nova caixa de dupla embraiagem de oito velocidades – a mesma utilizada no coupé Roma – que dispõe de um módulo de embraiagem 20% mais pequeno e uma entrega de binário 35% superior face à antecessora de sete velocidades. O descapotável adota também uma versão mais potente do motor V8 3.9 biturbo, que passa a debitar 620 cv (mais 20 cv do que antes), mantendo os 760 Nm de binário máximo. Em termos de performance, tal como na versão normal, o Portofino anuncia 0-100 km/h em 3,45 segundos e uma velocidade máxima de 320 km/h. Contudo, a caixa de funcionamento mais rápido permite que o M seja um segundo mais rápido no percurso de 0 a 200 km/h, que passa a ser cumprido em 9,8 segundos.

Aquele que é o primeiro Ferrari a ser mostrado exclusivamente online traz um visual mais agressivo, apostando em aplicações em alumínio e para-choques redesenhados com novas entradas de ar. Atrás, há um difusor redesenhado, novas entradas de ar para refrigerar os travões e novas jantes. Os engenheiros de Maranello também redesenharam o sistema de escape, de modo a amplificar o som, embora compense com o recurso a um novo filtro de partículas com vista à redução das emissões poluentes. A Ferrari incluiu no Portofino M a sexta geração do sistema de controlo do chassis Side Slip Control, que ajusta o funcionamento do controlo de tração, da suspensão adaptativa, o mapa do motor, o controlo de estabilidade, entre outros parâmetros. Com esta modificação, fica a promessa de um modelo com melhor comportamento dinâmico.

Por dentro da versão mais “espigada” do modelo de acesso da Ferrari há um Manettino com cinco posições (em vez de três), onde se inclui um novo modo Race, em combinação com o Dynamic Enhancer (que usa de forma subtil os travões para manter sob controlo as manobras de drift). Entre os novos opcionais, realce para os bancos aquecidos e ventilados, assim como diversos sistemas de assistência à condução.

Deixe uma resposta

*