Primeiro Bugatti Veyron Grand Sport teve restauro de 4 meses

Bugatti Veyron 16.4 Grand Sport

Protótipo do supercarro foi apresentado originalmente em 2008 em Pebble Beach.

A Bugatti apresentou o protótipo original do Veyron Grand Sport após um processo de quatro meses de restauro. Este protótipo foi apresentado em Pebble Beach em 2008 e surge pintado na cor “White Silver” metalizada com um interior em couro “Cognac”. O modelo “aberto” conhecido internamente pelo nome Veyron “Grand Sport 2.1” abriu caminho para uma série de 150 unidades daquele que foi em tempos o carro mais rápido do mundo segundo os registos de recordes do Guinness. A marca francesa readquiriu esta raridade em 2020 trazendo-a para Molsheim para o referido restauro. O protótipo do Veyron Grand Sport foi apenas o primeiro modelo do recém-criado programa “La Maison Pur Sang”, de restauros o respetivo certificado de autenticidade.

Em concreto, este protótipo do GS foi desmantelado de modo a verificar a sua originalidade através do VIN, mas também o número de série de vários componentes-chave. Os painéis da carroçaria foram removidos, tendo sido posteriormente recondicionados e repintados na cor original. O interior foi remodelado, recebendo novo couro e alumínio restaurado. A Bugatti até instalou uma nova consola central semelhante à do carro original.

O Veyron 16:4 Grand Sport tinha 1014 cv e era capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em menos de 2,7 segundos, atingindo uma velocidade máxima de 434 km/h.

Deixe uma resposta

*