Auto Drive

Bugatti Chiron Pur Sport mostra habilidades em pista

Bugatti Chiron Pur Sport

Este é o primeiro teste da versão mais focada do hipercarro.

A mais recente versão do Bugatti Chiron foi apresentada há cerca de dois meses e já está a ser desenvolvida em pista pelos engenheiros de Molsheim. Esta derivação do hipercarro que recebeu a designação Pur Sport, assume-se como uma derivação mais focada no desempenho em pista e vem introduzir algumas alterações relativamente ao Chiron “normal”. Como não podia deixar de ser, os principais testes estão a ser feitos em pista e a marca francesa decidiu partilhar algumas imagens e vídeos com os fãs.

O local escolhido para este desenvolvimento foi a pista Bilster Berg, na Alemanha. Nesta jornada de testes, a Bugatti utilizou dois protótipos do Chiron Pur Sport, que foram conduzidos por oito engenheiros acompanhados de um grupo reduzido de jornalistas devido à pandemia do covid-19. No final desta sessão, os responsáveis pelo construtor francês aproveitaram para dizer que este é apenas o primeiro de muitos outros testes que estão planeados – sendo que um deles será no mítico circuito de Nürburgring – até o modelo começar a ser produzido.

De relembrar que o modelo conta com o mesmo motor W16 de 8.0 litros com 1500 cv de potência e 1600 Nm de binário do Chiron, mas incorpora alterações na caixa de velocidades, na aerodinâmica e na afinação do chassis. A produção do Pur Sport está limitada a 16 exemplares e os preços começam nos 3,2 milhões de euros.

Relógio inspirado no Bugatti Chiron tem motor W16 funcional

Jacob & Co. Bugatti Chiron Tourbillon

Limitada a 250 unidades, criação dos norte-americanos da Jacob & Co custa 256 mil euros.

O Chiron Tourbillon é quase literalmente o Bugatti Chiron em forma de relógio. Criado em parceria com os especialistas em relógios de luxo sediados em Nova Iorque (EUA) da Jacob & Co, o relógio é ainda mais exclusivo do que o hipercarro de Molsheim, por tem uma edição limitada a 250 unidades. Por isso, o seu preço é igualmente astronómico: 256 mil euros. Não é necessário ser dono de um Chiron para poder comprar o relógio, mas que for proprietário do carro poderá encomendar um exemplar com cores a condizer.

Entre vários detalhes remetem para o Bugatti Chiron, o relógio tem no seu interior uma representação à escala do motor W16 do hipercarro francês. Ao rodar a coroa do lado direito (as outras duas são para acertar a horas e dar corda ao sistema) aciona uma pequena cambota feita em aço maciço que começa a girar, fazendo os pistões movimentarem-se para cima e para baixo tal como no carro. Enquanto isso sucede, há dois dispositivos a imitar turbos de ambos lados do motor. A animação dura cerca de 20 segundos. O sistema, designado por turbilhão, está suspenso numa base com 41,7 mm e surge sustentado por quatro amortecedores. A parte superior e lateral do relógio é feita de cristal de safira, e o turbilhão está disposto com uma inclinação de 30 graus de modo a facilitar a visualização.

Processo de criação deste sistema que replica o motor e do design do relógio demorou mais de um ano. O relógio tem 578 componentes.

1 2 3