Glickenhaus apresenta pick-up de competição a hidrogénio

SCG Hydrogen Boot

Feita para correr a Baja 1000, a Hydrogen Boot deverá evoluir também para uma versão de estrada.

No ano passado, a Scuderia Cameron Glickenhaus (SCG) mostrou um protótipo de uma pick-up feita a pensar na Baja 1000. Agora, a empresa norte-americana aprimorou o conceito e revelou a Hydrogen Boot, um modelo a pilha de combustível que deverá dar origem a uma variante de estrada.

O desenho desta nova proposta remete para a SCG Boot que se encontra à venda e que venceu na sua classe na edição de 2019 da Baja 1000. A maior novidade deste Hydrogen Boot é mesmo o sistema fuel cell com um depósito de combustível enorme, protegido por uma estrutura metalizada, que ocupa toda a zona posterior do carro. Esta solução obrigou a prescindir dos lugares posteriores. Outras caraterísticas desta pick-up são os pneus de todo o terreno, faróis em LED numa posição mais elevada e um pneu suplente encaixado numa estrutura metálica na zona dianteira. Realce ainda para uma barra luminosa em LED, duplo “snorkel” e várias entradas de ar na carroçaria, uma delas sobredimensionada no tejadilho. A autonomia total desta Hydrogen Boot aproximar-se-á dos 1000 km.

A SCG prevê que a Hydrogen Boot entre em ação em novembro, devendo tornar-se no primeiro modelo livre de emissões a competir na Baja 1000, na Baja California (no México). Para o efeito, a marca está a trabalhar na sua própria infraestrutura de abastecimento. Para a referida competição está a ser preparada uma solução que permitirá efetuar reabastecimentos no meio do deserto.

Deixe uma resposta

*