Opel Astra GSe e Grandland GSe já têm preços

Opel Astra GSe

Variantes desportivas híbridas plug-in têm 225 e 300 cv, respetivamente.

A Opel voltou à sigla GSe (agora acrónimo de Grand Sport Electric) para uma dupla de modelos híbridos plug-in que já estão disponíveis para encomenda: o Astra GSe (na imagem) disponível a partir dos 51.090 euros e o Grandland GSe que arranca nos 60.932 euros.

Ambos contam com um design com apontamentos desportivos, incluindo de série jantes exclusivas de 18 e 19 polegadas, além de um aspeto específico GSe do para-choques dianteiro e difusor traseiro. Por dentro, realce para os bancos desportivos exclusivos em Alcantara e certificação AGR. Os bancos são aquecidos, tal como o volante. Destaque ainda para a inclusão de série do sistema Intelli-Drive 1.0 com alerta de colisão dianteira e travagem de emergência ativa, deteção de peões e de sonolência, aviso de saída da faixa de rodagem e assistente de sinais de trânsito, alertas de tráfego transversal e de ângulo morto lateral e ainda o assistente automático de velocidade com função de paragem. O estacionamento pilotado, dianteiro e traseiro, bem como a câmara de 360 graus Intelli-Vision apoiam o condutor durante as manobras. E os passageiros dos modelos GSe estão também conectados graças ao sistema de navegação e multimédia compatível com Apple CarPlay e Android Auto e que inclui o ecrã tátil a cores, bem como o ecrã de informação do condutor, ambos de 10 polegadas (painel de instrumentos de 12 polegadas no Grandland GSe). Os smartphones compatíveis também podem ser facilmente carregados através da função de carregamento sem fios na consola central.

No caso do Astra GSe estamos perante a conjugação de um motor 1.6 de quatro cilindros turbo com 180 cv e um motor elétrico de 81,2 kW/110 cv, para um total de 225 cv e 360 Nm. Anuncia um consumo médio de 1,2-1,1 l/100 km e emissões de CO2 de 26-25 g/km. O cinco portas faz 0-100 km/h em 7,5 segundos e atinge uma velocidade máxima de 235 km/h (135 km/h em modo elétrico). A bateria de 12,4 kWh propicia até 64 km (WLTP) em modo elétrico. O Astra GSe tem um chassis rebaixado em 10 mm, uma direção, suspensão e travões recalibrados, além de amortecedores Koni FSD.

Por sua vez, o Grandland GSe reúne o mesmo 1.6 de quatro cilindros turbo, embora com 200 cv, e dois motores elétricos, um por eixo (o que lhe confere tração integral), um dianteiro com 81,2 kW/110 cv e um traseiro com 83 kW/113 cv. A potência combinada é de 300 cv. O SUV anuncia 1,2 l/100 km e emissões de CO2 de 28-27 g/km. Cumpre 0-100 km/h em 6,1 segundos e uma velocidade máxima de 235 km/h (135 km/h em modo “zero emissões”). Já a bateria de 14,6 kWh permite percorrer até 63 km sem emissões locais.

Deixe uma resposta

*