Autoeuropa deixa de produzir Seat Alhambra

Seat Alhambra

No final deste mês, a fábrica de Palmela termina o ciclo de produção do monovolume.

A Autoeuropa vai deixar de produzir a Alhambra no final deste mês, de acordo com a Autocar. O monovolume catalão é feito na fábrica de Palmela desde 1996 (e cuja geração foi lançada em 2011) e no ano passado foram vendidas 23.840 unidades na Europa (ainda assim um crescimento face às 22.134 de 2018), segundo dados fornecidos pela Carsalesbase. A causa apontada para este desfecho é o aumento da popularidade dos SUV. A título de exemplo, foram comercializadas 29.165 unidades do Tarraco (igualmente com sete lugares e que cuja gama em breve será enriquecida com uma versão híbrida plug-in) no ano passado.

Apesar deste cenário para a Alhambra, a Autoeuropa continuará a produzir a “irmã” Volkswagen Sharan, pelo menos para já. Está previsto que a Sharan esteja à venda até ao final do ano. Ambos os monovolumes do grupo VW não deverão ter um sucessor direto, embora a VW aponte o elétrico ID Buzz como uma espécie de herdeiro espiritual.

A Autoeuropa prevê retomar os trabalhos a 5 de abril depois de um período de encerramento forçado pelo coronavírus.

Deixe uma resposta

*